Longa mostra Bahia mística

1
Rednaxel · São Paulo, SP
1/8/2019 · 0 · 0
 

Edgard Navarro é, como Luiz Rosenberg Fo., um desses rebentos dos anos 1960 que deixou o melhor de si para a maturidade. Passados os arroubos de iconoclastia da rebelde juventude, é como se Navarro se entregasse a uma introspecção mais suave, embora nunca conformista.

Seu acerto de contas com a ditadura veio em forma de fábula, de história narrada na tradição oral. Foi “O Homem que Não Dormia”.

“Abaixo a Gravidade” é trabalho de outra ordem. É da Bahia que se trata, aparentemente. E a Bahia é o território onde vigora o misticismo afro-brasileiro de onde vêm religiões que a tradição cristã ortodoxa tem na conta de primitiva. Nesse tipo de misticismo, os deuses não estão distantes dos homens, mas entre nós. Cada entidade representa aspectos de nossa existência terrena, como que a replica e orienta.

Como na religião grega, me explicou certa vez o músico Dante Pignatari. Um belo tabefe no racionalismo ocidental (que me guia, admito). É preciso passar por aí para entender um pouco da Bahia —onde essas religiões são dominantes e presentes no cotidiano— e desfrutar do novo filme de Edgard Navarro.

Um pouco da história? Ok. O velho Bené (Everaldo Pontes) vive numa pequena cidade do interior, onde funciona como curandeiro e amparo psíquico para os males da vizinhança. Lá ele recebe a jovem e bela Letícia (Rita Carelli), grávida. Depois que ela tem o filho, ele decide acompanhá-la a Salvador. Está de certa forma apaixonado, mas se desilude ao notar que o lance dela é outro. Fonte: Folha de S. Paulo

compartilhe

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados