Autobiografia em tiro curto (2015)

1
Pessoa de Melo · Olinda, PE
2/12/2015 · 0 · 0
 

Bebi tudo em um gole
Transbordei a taça da vida
Me embriaguei com sorrisos
Mas quando chorei, não chorei pouco
Derramei pranto!
Me derramei tanto
Que o que resta ainda escorre.

Quase morri duas vezes!
Amei corrosivamente
Experimentei vinho
Senti borboletas
Ouvi sinos
Peguei carona
Conheci outras estradas
Fiz mudanças como um saltimbanco
Daqui pra lá, de lá pra cá

Vi luas que ninguém viu
Dormi em areia branca
Tomei banho de mar (e que mar!)
Caminhei no paraíso
Passei férias no inferno
Afoguei em mim o que não era meu
Senti a falta de ar de outros
Tomei remédios
Subi em prédios
Só Deus sabia de mim!

Fiz promessas que não cumpri
Acreditei em outras tantas
Vi quem mais amava partir
Entendi alguns significados
Vi que outros simplesmente não se entendem

Fui pai,
fui filho,
fui homem,
fui menino,
fui rei,
fui mendigo,
fui de verdade!
Ver-da-de!

Senti, senti e senti.

Sobre a obra

Será que existirá outro ano como esse?

compartilhe



informações

Autoria
Pessoa de Melo
Downloads
104 downloads

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados