Evolução Literária

1
Letícia Barroso · Campos dos Goytacazes, RJ
30/4/2014 · 0 · 0
 

Quem nunca pensou “já sei demais sobre esse assunto, preciso mudar”, pois é esse sentimento tem tomado conta de mim nos últimos dias. Desde criança gosto de ler, sempre fui a menina que gostava de fazer os que os outros não gostam na escola, afinal, ler, para uma criança de 10 anos é chato!

Mas eu não pensava assim, achava muito interessante entrar em um mundo completamente diferente do real, Harry Potter me encantava, a narrativa me encantava, as histórias do Sítio do Pica pau amarelo me encantava, Pedro Bandeira e etc, etc, etc.

Então a gente vai crescendo, eu fui crescendo, me tornando uma clássica “aborrecente” e o hábito da leitura foi se esvaindo, nem os livros indicados pela escola eu lia. Até que num domingo, olhando para o teto procurando o que fazer, avistei, no meio das minhas coisas, um livro, quer dizer, a resenha de um livro, clássico, “Os miseráveis”, a história francesa me deixou intrigada. A trajetória daquele cara francês, que até hoje não sei escrever o nome, me despertou a vontade de me tornar bookaholic (viciada em livros) de novo.

Desde então não parei de ler, mas, porém, contudo, entretanto, foi um recomeço. Não voltei a ler clássicos, lia e até hoje leio sagas, adoro sagas, sou fã de Harry Potter, da saga Os heróis do Olimpo e também Jogos Vorazes. Li muitos romances Nicholas Sparks, Meg Cabot, MArian Keyes, David Nicholls e etc.

Mas esse não é o ponto que eu quero chegar, outros dois livros mudaram minha vida, além de “Os miseráveis”, o primeiro foi “Marina” de Carlos Ruíz Zafón, o segundo, “A revolução dos bichos”, de George Orwell, essas obras me mostraram que existia algo além dos romances, percebi novamente, aos 20 anos de idade, no ano de 2013, que a leitura entrara na minha vida mais uma vez pra mudar. E mudou, classifico os momentos da minha vida através dos livros que li.

O último foi “Los Angeles” de Marian Keyes, um clássico romancezinho de adolescente, mas ao começar a lê-lo fui me envolvendo, voltei a escrever histórias e me vi em grande semelhança com a personagem principal do livro.

Enfim, como eu disse no início a minha vontade é ler, cada vez mais, ler como se não houvesse amanhã, ler livros novos, diferentes, além dos romances, livros transformadores da sociedade.

Ler, Ler e Ler.

Sobre a obra

O textinho conta um pouco da minha trajetória com a literatura.

compartilhe



informações

Autoria
Letícia Barroso
Ficha técnica
Letícia Barroso - Jornalista, editora do site Movamente
Downloads
136 downloads

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados