O passado morto

Adroaldo Bauer
1
Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS
25/12/2009 · 3 · 1
 

Morri dia desses, sem amor
Fui um tempo memória da dor
Remorso da decepção causada
Desilusão presente por desamor
Louco, embaralho nossos cheiros
Ausência acabada de razão
Impossível, isso é passado!
Indômita a alma se alumia.
Olvido. Troveja, chove, é verão.
Sem flores, sem sedução.
Rejeitado, abatido, desiludido.
Morto, à escuridão devolvido.

compartilhe



informações

Autoria
Adroaldo Bauer
Ficha técnica
Versos livres
Downloads
258 downloads

comentários feed

+ comentar
nina poeta
 

Passado, passado! E tudo renasce como um Ano Novo!
beijos poéticos de Nina,

nina poeta · Rio de Janeiro, RJ 28/12/2009 14:00
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

baixar
pdf, 2 Kb

veja também

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados