'Concurso de Chamamé': dupla Campo Grandense vence

Raquel Ovelar
Competidores
1
Jonne · Campo Grande, MS
20/6/2011 · 22 · 1
 

O cantor Zezinho Nantes e sua esposa Kenia Candido foram os campeões do "Primeiro Concurso de Chamamé de MS 2011", Realizado pelo "Centro Cultural do Chamamé", em parceria com a Asdanças ( Associação Sul Mato Grossense de Dança de Salão) na tarde de domingo (19). Eles conquistaram os cinco árbitros e somaram a maior pontuação e ganharam uma viagem com todas as despesas pagas para o festival do Chamamé em Corrientes na Argentina. Ao todo foram 9 casais participantes primeiro dançaram uma musica de andamento lento e uma outra em andamento rápido, todos se apresentaram com uma banda ao vivo depois tiveram que dançar mais 3 musicas na rodada final.

Marcos Antonio Souza Candido e Arlene Barbosa foram os segundos colocados já o terceiro lugar foi para Custodio Castro e Idime Moura de Castro. O concurso teve como principal objetivo divulgar o chamamé para resgatar os valores culturais não estavam em questão a elegância e passos mais elaborados, afirma o organizador Orlando Rodrigues. Mesmo assim os participantes não deixaram a desejar e arrancaram muitos aplausos da platéia e dos jurados, que se mostraram satisfeitos com os passos realizados.

Participantes revelam alegria com o "Concurso de Chamamé"

"Foi um grande prazer participar da Dança, fui apenas para prestigiar o evento pois sou de uma família que sempre gostou de cultivar os ritmos regionais, tenho um grupo que toca em diversos locais já vi muitas pessoas dançando inclusive em corrientes na argentina tentei retratar o que vi e aprendi nesses 30 anos de bailes. Não nos preocupamos com um figurino adequado assim como havia outros competidores, foi emocionante demais, nunca tinha visto uma recepção tão calorosa como este concurso” Ressalta Zezinho Nantes 44 anos.

Sobre o Chamamé

O Chamamé nasceu na década de 30 derivado da polca paraguaia sendo usado o acordeon em substituição da harpa na província de Corrientes Argentina, foi incorporado aos costumes dos estados da fronteira do Brasil. A dupla de professores de dança, Ivan Sousa e Dani Barilli, adiantaram que o ritmo é uma referencia fundamental para a identidade cultural de MS assim como já faz parte da identidade de RS. Mesmo sabendo que a dança vem sofrendo mudanças de acordo com cada região, estamos engajados em manter uma padronização do repertorio seja ele Raiz como é chamado ou de Salão que é ensinado nas academias. “O Chamamé é um estado de espírito, que faz parte da minha vida desde que nasci”, afirma o engenheiro agrônomo Jânio Fagundes Borges, de 51 anos.

compartilhe

comentários feed

+ comentar
Zezito de Oliveira
 

É legal se puder postar um vídeo da dança ou indicar algum do youtube, se houver.

Abraço,

Zezito de Oliveira · Aracaju, SE 23/6/2011 10:58
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados