Paulo Cheida é destaque na IV Bienal Internacional

Celina Carvalho
Paulo Cheida na entrada da Galeria ICPNA Miraflores
1
Paulo Cheida Sans · Campinas, SP
7/6/2013 · 0 · 0
 

O artista brasileiro Paulo Cheida Sans é um dos principais destaques na “IV Bienal Internacional de Grabado” realizada pelo ICPNA – Instituto Cultural Peruano Norte Americano - em Lima, Peru. O evento, aberto em 28 de maio, reúne 20 exposições distribuídas em 16 galerias e espaços culturais, além de conferências, oficinas de criação e visitas guiadas que acontecem até julho.
A curadoria desta quarta edição é dos especialistas Juan Peralta e Daniel Contreras, que reuniram a participação de representantes de 10 países: Argentina, Brasil, Bolívia, Colômbia, Chile, Espanha, Estados Unidos, México, Uruguai e Peru. O tema do evento "Transferencia: Imagen de la memoria" fomenta , preserva e difunde a arte da gravura e as novas possibilidades criativas.
Paulo Cheida participa da mostra “Más Allá: Otredad en el grabado contemporâneo” na Galería Germán Krüger Espantoso - ICPNA Miraflores. Esta mostra reúne gravadores de nível internacional e é uma das exposições centrais da Bienal. Além de Cheida, representando o Brasil, participam: Alicia Candiani (Argentina), Enrique Pérez e o TEBAC (México), Colectivo Carrier Pigeon (EE.UU.), Pablo Uribe (Uruguai), Ricardo Villarroel (Chile) e Alfredo Márquez (Perú).
Paulo Cheida apresenta um conjunto de obras intitulado “Nexos Causais”, composto por 10 gravuras em linóleo, 1 painel de grande formato com técnica mista de gravura e uma peça tridimensional de gravura expandida. Cheida explica que em suas obras “há uma denúncia e repúdio contra a busca incessante e perpetuação inescrupulosa do ‘poder’ na sociedade, onde opressores brincam e conduzem as brincadeiras e os oprimidos indefesos aceitam as ‘regras’ de uma convivência injusta e manipuladora”. O artista proferiu conferência com o tema “Presencia del grabado en el arte contemporâneo” e suas gravuras estão estampadas em banners e no painel de entrada da Galeria do ICPNA Miraflores.
Paulo de Tarso Cheida Sans nasceu em Campinas, SP (1955). Cursou Artes Plásticas na Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1978) e é Doutor em Artes pela Unicamp – Universidade Estadual de Campinas (2009). Participou em mais de 400 exposições, tendo recebido 41 prêmios em salões de arte no Brasil e três no exterior (Portugal, Estados Unidos e França). É professor do curso de Artes Visuais e extensionista da PUC-Campinas. Juntamente com a artista Celina Carvalho, fundou o Museu Olho Latino, sediado em Atibaia, SP, especializado na arte da gravura. É curador de exposições nacionais e internacionais e autor de livros na área de Artes.
A Bienal Internacional de Grabado do Peru é um dos principais eventos na área da arte da gravura dada a sua grandiosidade e qualidade das exposições.

compartilhe

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados