Advogados falam do Senado na Feira de Porto Alegre

Antonio Hortega e Sandro Schimitz
1
Adusumilli · Brasília, DF
4/11/2010 · 2 · 0
 

Sandro Schmitz dos Santos e Antônio Gilberto Ortega Hart Jr. deram entrevistas exclusivas sobre a participação do Senado na 56 Feira do Livro de Porto Alegre. A feira vai até o dia 15 de novembro na Praça da Alfandega no horário das 12:30 h às 21 h.

Sandro Schmitz dos Santos

Advogado, mestre em relações internacionais, comércio exterior, Diretor da Câmara de Comércio Brasil Argentina do Rio Grande do Sul, acompanha as publicações do Senado desde 2.000. Para ele são edições que se destacam no mercado nacional pois, fazem um resgate histórico de documentos muito importantes. Fã das edições fac-simile, costuma dizer, que só no Senado podemos ter esse resgate a preços tão accessíveis. É leitor antigo das edições que lidam com a escravidão, obras de Nabuco, obras que lidam com a questão geopolítica da Amazonia. A título de sugestão pediu a reedição do “Tratado de Madrid”, mais obras sobre “o período pombalino”, e sente falta apesar de conhecer “A Batalha de Caiboaté” sobre o índio Sepé na Guerra das Missões, de mais publicações sobre as missões, projeto territorial e etc. Com relação às Edições Técnicas disse “o Senado é superior a todas as editoras pois, publica temas que não são abordados como biotecnologia, minério, energia destacadamente”. Sugere portanto que numa edição só venha compilado vários dados sobre um tema, ou seja, que numa publicação sobre os direitos da mulher venha toda a legislação correlata, tudo consolidado. Outra questão que o encanta é a atualização das publicações, o Senado é hoje a editora do Brasil que publica “a preços accessíveis” tudo atualizadíssimo. E com relação às Edições em Braille elogiou dizendo que o Senado promove nesta linha editorial a “inclusão” e que esta atitude é absolutamente elogiável, na verdade, é uma atitude fantástica pois, a inclusão é uma questão de obrigação.

Antonio Gilberto Hortega Hart Jr

Formado em direito pela Unisinos, com escritório em Porto Alegre diz “conheço as edições do Senado desde 2005, e destaco com enfase a qualidade dos livros, o custo benefício das edições, os livros que abordam as viagens feitas dentro do brasil onde o senado publicou vários autores que fazem relatos fantásticos que são obras caríssimas quando se encontram e aqui é accessível a todos”. E continua “peço mais divulgação deste trabalho, eu por exemplo vim aqui atrás da História da Literatura Ocidental de Otto Maria Carpeux que é uma obra prima reeditada pelo Senado, arriscaria dizer que é uma raridade. Outro elogio que faço é a publicação “O Meio Circulante no Brasil” solicitando que seja publicado as outras partes deste trabalho”. Sobre as Edições Técnicas diz Antonio “desta linda editorial a Constituição Federal traduzida para o inglês achei fantástico, nunca vi por outra editora e nunca imaginei que o Senado fazia esta publicação. Agora faria a sugestão de publicar a legislação comentada que vale mais para a minha classe dos advogados do que a lei apenas”. Com relação às Edições em Braille sugeriu que fossem feitos também livros em audio que proporcionaria e valorizaria ainda mais a inclusão.

compartilhe

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados