Dois em Um: mais que uma soma

Mbéni Waré
Melancolia suspensa no céu por delicados balões de gás
1
Silvana Malta · Salvador, BA
23/2/2008 · 136 · 2
 

É. Coisas acontecem. Estava eu, um dia desses, por acaso, na página de recados de um amigo no Orkut, quando me deparei com uma singela imagem da violoncelista carioca Fernanda Monteiro e do músico e produtor baiano Luisão Pereira, feita pela fotógrafa Mbeni Waré. Fernanda, em primeiro plano, abraçada ao seu violoncelo. Luisão, um pouco atrás, acompanhado de uma guitarra. No fundo, uma parede laranja, com uma luz maravilhosa, e ambos com um semblante sereno, típico de quem ajudou a lapidar o mundo, doando o que se tem de melhor.

A imagem era um link para a página no myspace do Dois em Um – projeto belíssimo desenvolvido em casa pela dupla, que costumo definir como melancolia passeando do céu, suspensa por delicados balões de gás. Fernanda surpreendeu a todo mundo, inclusive a si mesma, quando assumiu os vocais e descobriu que, além de dar vida ao cello, podia tocar o coração das pessoas com sua voz macia, doce, suave, mas de muita personalidade, e seu jeito tímido e meigo de cantar, que já lhe renderam comparações à musa da Bossa Nova, Nara Leão. Já Luisão, que também participa com voz, se encarregou dos arranjos e da execução de todos os instrumentos, incluindo guitarras, baixo, violão teclados e programações.

O projeto já conta com cinco músicas, duas delas feitas unicamente por Luisão e outras três em parceria com o compositor e músico Mateus Borba. As canções evocam influências diversas, que vão de Radiohead a João Gilberto, passando por Andrew bird, Stereolab, Massive Attack, Kings of Convenience, Cocorosie, Belle and Sebastian, Cat Power, Cibelle e Joana Molina, mas sempre com a marca bem pessoal do duo. Adoro todas elas, com destaque para “Eu sempre avisei” - uma mistura de Roberto Carlos com Portishead que me faz perder o ar; e para “E se chover?” - lançada recentemente e cujo arranjo, com direito a metais, xilofone e fanfarra, sem falar da melodia, coloca o Dois e Um no seu momento máximo até agora.

Considero a minha melhor descoberta de 2007. E sou grata a eles por isso.


compartilhe

comentários feed

+ comentar
Adroaldo Bauer
 

Dulcíssima voz. Luxuoso acompanhamento. Soberbo tratamento e finalização de estúdio por Luisão dos mil tons. Não comparo E se chover a nada. Incomparável!
Excelente apresentação Silvana.

Adroaldo Bauer · Porto Alegre, RS 23/2/2008 23:14
sua opinião: subir
lima trindade
 

acabo de conhecer o duo e estou simplesmente embasbacado. a resenha da silvana está muito legal, pois traça o caminho de diversas famílias musicais que aprecio e dão uma idéia do som da banda.

lima trindade · Salvador, BA 12/3/2008 19:43
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados