Encontro de Escritores 2012 em João Pessoa Paraíba

Arlindo Almeida da Nóbrega de São Paulo
Zenaide Thomes Borges, Serra, ES. Dama de João Pessoa, Chico César e Clério
1
Clério José Borges · Serra, ES
26/4/2012 · 1 · 0
 

Encontro da União Brasileira de Escritores da Paraíba, realizado de 19 a 21/04/2012


Com a presença, na abertura solene, do Secretário Estadual de Cultura da Paraíba, Francisco César Gonçalves, o conhecido Cantor e Compositor Chico Cesar, a União Brasileira dos Escritores da Paraíba (UBE PB), presidida pelo Escritor Ricardo Bezerra, realizou de quinta-feira (19 de Abril de 2012) até o sábado (21) o 2º Encontro de Escritores e Entidades Culturais, com uma programação composta por palestras, oficinas, exibição de vídeos e discussões sobre temas envolvendo variados campos da cultura. O encontro aconteceu nas dependências da Fundação Espaço Cultural da Paraíba José Lins do Rêgo (Funesc), na Av. Abdias Gomes de Almeida, nº 800, Tambauzinho, João Pessoa.

Foram registradas as presenças dos Escritores: Clério José Borges de Sant Anna, representando o Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo e o Clube dos Poetas Trovadores Capixabas, CTC; Rogério Salgado, Virgilene Araújo e Ana Paula Generoso, os três de Belo Horizonte, MG; Socorro Evangelista, de Natal, RN; Arlindo da Nóbrega e Luis Avelima, ambos paraibanos há muitos anos radicados em São Paulo; Joaquim Maria Botelho, presidente Nacional da UBE (São Paulo); Edwaldo Arantes, presidente do Instituto do Livro, de Ribeirão Preto; Estudioso do Teatro, Hersch Basbaun; Levi Bucalem Ferrari, RJ; Bruno Gaudêncio, Campina Grande; Cássio Cavalcante, Recife; Rogéria Gomes, do Rio de Janeiro; Carlos Souza, Presidente da UBE da Bahia; Menalton Braff, de São Paulo; Zenaide Emília Thomes Borges, da Serra, ES e Nilza Queiroz Freire, de Cuiabá, Mato Grosso, além de vários Escritores e poetas locais.




--------------------------------------------------------------------------------


Escritores visitam Sapé e o local onde nasceu e foi batizado Augusto dos Anjos





Augusto dos Anjos - Há 100 anos, o escritor Augusto dos Anjos publicava sua obra literária, “Eu”, nome do único livro de poesia escrito pelo autor. Para comemorar os cem anos da obra, a Prefeitura de Sapé realizou uma vasta programação cultural com visitas guiadas ao Memorial Augusto dos Anjos e ao famoso pé de tamarindo, na comunidade Santa Helena, zona rural do município, local onde funcionava a já extinta Usina Santa Helena. Na ocasião também estava sendo comemorado os 128 anos de nascimento do Poeta. Augusto de Carvalho Rodrigues dos Anjos nasceu no Engenho Pau d'Arco, hoje Sapé, Paraíba, no dia 20 de abril de 1884.

Os participantes do Encontro dos Escritores, no dia 19 pela manhã, em ônibus especial se dirigiram de João Pessoa até o Município de Sapé, (cerca de uma hora de viagem), onde está localizada a Fazenda onde Augusto dos Anjos nasceu. Na Fazenda, (hoje Memorial de Augusto dos Anjos), todos visitantes foram recebidos pelo Prefeito Municipal, João Clemente Neto e pela Secretária de Educação, professora Maria América de Castro.

Alunos da rede pública estiveram participando do evento cultural que lembrou a vida e a obra de um dos maiores gênios da nossa literatura. Além da Saudação do Prefeito e do Presidente da UBE PB, houve apresentação de estudantes e uma professora lembrou a figura de Guilhermina, a negra ama de leite, que amamentava Augusto dos Anjos e lembrada em uma de suas poesias. Ao final todos visitaram a Igreja de Santa Helena, onde o Poeta Augusto dos Anjos foi batizado e depois se dirigiram ao pé da árvore Tamarindo, onde Augusto escrevia suas poesias. No local um ator, em excelente performance, apresentou poemas do grande Poeta Augusto dos Anjos.

O prefeito João Clemente Neto, em entrevista ao Jornalista Arlindo Almeida da Nóbrega, de São Paulo e ao Escritor Clério José Borges, do Espírito Santo, disse que o acontecimento demonstra a versatilidade dos eventos promovidos pela prefeitura, oferecendo cultura e entretenimento aos sapeenses e visitantes, “nossa gestão tem procurado promover eventos diversificados, mantendo as tradições culturais, festivas e religiosas, propiciando diversão, cultura e o resgate de nossos valores, ressaltou o prefeito de Sapé."




--------------------------------------------------------------------------------


Câmara Municipal de Sapé realiza Sessão Solene Especial
Na Casa de Augusto dos Anjos, Escritor Clério José Borges discursa e declama poesias





Câmara de Vereadores - Logo em seguida todos se dirigiram a Câmara Municipal de Sapé, "Casa de Augusto dos Anjos e plenário Severino Damião da Silva", localizada na Avenida Getúlio Vargas, onde foi realizada uma Sessão Solene Especial comemorativa ao Centenário do Livro Eu e aos 128 anos de nascimento de Augusto dos Anjos, presidida pelo Vereador, Juciê Guarabira. A mesa que presidiu a solenidade foi composta ainda pelo Presidente da UBE/Paraíba, Ricardo Bezerra e pela Profa. Maria do Socorro Silva de Aragão, da UFPB/UFC/ALANE-PB. Durante a solenidade fizeram uso da palavra, a Escritora Marinalva Freire da Silva que fez uma rápida análise da obra de Augusto dos Anjos e falou da tradução que ela havia feito para o Espanhol do Livro Eu (Yo) e o Escritor Clério José Borges, da Cidade da Serra, ES, que além de falar da Poesia de Augusto dos Anjos declamou alguns de seus poemas, entre os quais, "Versos Íntimos":

"Vês! Ninguém assistiu ao formidável / Enterro de tua última quimera. / Somente a Ingratidão - esta pantera - / Foi tua companheira inseparável! / Acostuma-te à lama que te espera! / O Homem, que, nesta terra miserável, / Mora, entre feras, sente inevitável / Necessidade de também ser fera. / Toma um fósforo. Acende teu cigarro! / O beijo, amigo, é a véspera do escarro, / A mão que afaga é a mesma que apedreja. / Se a alguém causa inda pena a tua chaga, / Apedreja essa mão vil que te afaga, / Escarra nessa boca que te beija!"




--------------------------------------------------------------------------------


Visita a Funesc, ao Arquivo Público da Paraíba e ao Auditório Verde





Espaço Cultural - Ainda na quinta-feira (19), no retorno da Cidade de Sapé, no período da tarde, foi realizada uma visita a Fundação Espaço Cultural da Paraíba José Lins do Rêgo (Funesc) e ao Arquivo Histórico Waldemar Duarte, onde os escritores puderam conheçer um pouco mais sobre o trabalho deste arquivista, que muito contribuiu com a cultura paraibana. Waldemar Bispo Duarte foi um dos responsáveis pela retomada da UBE-PB no ano de 1985, além de ter sido o primeiro bibliotecário da Paraíba, que, com seu esforço pessoal, conseguiu reunir um grande acervo, hoje armazenado no Arquivo Histórico da Fundação. A visita foi monitorada pelos pesquisadores e Arquivistas, João Pedro Ferreira da Silva e Ana Isabel de Souza Leão Andrade. Logo em seguida, no Auditório Verde da Funesc, foi realizada a abertura do II Encontro de Entidades Culturais com a homenagem póstuma a Waldemar Duarte e em seguida, palestra sobre “Políticas Públicas para Arquivos Públicos e Privados”, proferida por Josemar Henrique de Melo, sob a coordenação de Ana Isabel de Souza Leão Andrade.




--------------------------------------------------------------------------------


Secretário Estadual de Cultura, Cantor e Compositor Chico César prestigia o evento
Orquestra Sinfônica encanta pela beleza da apresentação com Alex Klein e Richard Young





Abertura Solene - À noite, às 19h30 foi realizada a solenidade de abertura do II Encontro de Escritores, com a presença do Secretário Estadual de Cultura da Paraíba, o Cantor e Compositor Chico Cesar, sendo realizadas as homenagens aos centenários do historiador Humberto Nóbrega; do livro “EU”, de Augusto dos Anjos; de Luiz Gonzaga; e a Tarcísio de Miranda Burity, pelos 30 anos do Espaço Cultural. O aniversário do Espaço Cultural José Lins do Rego também foi também celebrado com uma exposição de fotos na Galeria Archidy Picado.

A abertura solene contou ainda com uma magnífica apresentação da Orquestra Sinfônica da Paraíba, sob a batuta do maestro titular, Alex Klein, tendo o renomado instrumentista Richard Young como solista (viola). Young, músico norte-americano se apresentou frente à OSPB e seu regente titular Alex Klein, duas obras brasileiras. A primeira foi a “Brasiliana” de Edino Krieger e a “Fantasia” de Heitor Villa-Lobos. Para encerrar o concerto, a OSPB e Alex Klein apresentaram a Sinfonia n. 8 de Ludwig van Beethoven, escrita em uma época quando o compositor já estava surdo, e sofrendo as consequências sociais de sua deficiência, mostrando um Beethoven bem humorado, fazendo brincadeiras com o tempo.

De acordo com o presidente da UBE PB, Ricardo Bezerra, representantes de 29 instituições culturais e UBEs do país estiveram presentes, das quais 18 paraibanas e 11 de representação nacional ou de outros estados, a exemplo da União Brasileira de Escritores – Nacional, Academia Feminina de Letras e Artes do Rio Grande do Norte, Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo e Clube dos Trovadores Capixabas, Federação Brasileira de Alternativos Culturais, União Brasileira de Escritores de Salvador e Academia de Letras de Cuiabá, Mato Grosso.




--------------------------------------------------------------------------------


Palestras, Debates e lançamento de livros movimentam o 2º dia do evento





Palestras e Debates - No dia 20 de Abril, sexta feira, pela manhã e à tarde, foram realizadas as palestras e os debates em diversos setores do "Espaço Cultural", entre os quais, o Auditório Verde, Planetário e Biblioteca. Destacaram-se as palestras de Josinaldo Malaquias, sobre "Literatura e Redução de Pena"; de Clério José Borges, com o tema, "Incentivo a Produção Literária"; De Ana Paula Generoso, com o tema, "Poética de Abdias do Nascimento"; De Joaquim Maria Botelho, com o tema, "Confluência das linguagens jornalística e literária em Os Sertões"; De Bruno Gaudêncio, com o tema, "A palavra Impressa: As Revistas Literárias na Paraíba"; De Cássio Cavalcante (Recife) e Rogéria Gomes (Rio de janeiro), tendo como Mediador Carlos Souza, da UBE Bahia, com o tema, "Biografia e Perfis"; Pré-História e Arqueologia da Paraíba, com Thomas Bruno Oliveira e Ruston Lemos de Barros; "As Colunas Sociais, histórias e Literatura", com o palestrante Wellington Pereira, de João Pessoa e as colunitas Sociais, Messina Palmeira, do Jornal "Correio da Paraíba" e Thereza Madalena, apresentadora de TV.

No mesmo dia 20, com início às 18,00 horas, na Biblioteca Pública Juarez da Gama Batista, maior biblioteca pública do Estado e que recebe, por dia, cerca de 250 visitantes e possui um acervo que reúne pouco mais de 100 mil livros - inclusive em braile, foi realizado um lançamento coletivo de livros com a participação de 18 autores presentes no II Encontro de Escritores da Paraíba, entre os quais, José Octávio de Arruda Mello; Bruno Gaudêncio; Rogério Salgado; Manalton Braff; Eduardo Gosson; Marinalva Freire da Silva; Zizo de Oliveira; Palmari Lucena; Molina Ribeiro; Neide Medeiros Santos; José Romero Araújo Cardoso; Socorro Evangelista; Thomas Bruno Oliveira; Luis Turiba; Luis Avelima e Clério José Borges, de Serra, ES, que lançou sua obra, "Dicionário Regional de Gírias e Jargões", publicado na cidade da Serra, no Espírito Santo, através da Lei de Incentivo à Cultura, Chico Prego e da Arcelor Mittal Tubarão e Magnesita.




--------------------------------------------------------------------------------


Orquestra Sinfônica Infantil encerra II Encontro de Escritores da Paraíba de 2012





Encerramento - A solenidade de encerramento do II Encontro ocorreu no sábado, dia 21 de Abril, com início às 9h, no Cine Bangüê, com a apresentação da Orquestra Sinfônica Infantil sob a regência da professora Norma Romano. O concerto foi aberto com a peça "Te Deum, Laudamus”, de Marc Antoine Charpentier. Em seguida foi executado o "Hino a Alegria”, de L. Van Beethoven. Do nordestino Luiz Gonzaga, a Orquestra tocou "Asa Branca”, seguida de "Floresta Amazônica”, de Heitor Villa-Lobos, ambas com arranjos de Norma Romano. A apresentação foi encerrada com a música "A Bela e a Fera”, de Alan Menquen com arranjos de C. Custer. Na mesma solenidade houve a entrega do troféu Intelectual do Ano ao professor José Jackson Carneiro de Carvalho, presidente da Academia Paraibana de Filosofia e membro efetivo do Conselho Estadual de Educação da Paraíba e Condecorações as várias pessoas e entidades da Paraíba que se destacaram no Campo Cultural, inclusive o Escritor, José Fernandes da Silva e o Deputado Janduhy Carneiro, Deputado Doda de Tião, Deputado Arnaldo Monteiro, Vituriano de Abreu, Hervázio Bezerra e Raniery Paulino.

compartilhe

comentários feed

+ comentar

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados