Brasil.gov.br Petrobras Ministério da Cultura
 
 

A sabedoria passada pelos ditados populares

1
mah e teh · Ribeirão Preto, SP
10/10/2010 · 0 · 1
 

Passados de pais para filhos, os provérbios e ditados populares se mantem vivos até hoje retransmitindo conhecimentos e experiências universais.

A voz do povo é a voz de Deus, como bem diz a sabedoria popular. Há milhares de anos, sem um lugar que possa ser citado e nem autores identificados, os provérbios e ditados populares tornaram-se um gênero de linguagem que transmite conhecimentos comuns sobre o dia-a-dia.
Eles conseguem traduzir a realidade, pois estão relacionados a aspectos universais da vida, podendo ser encaixados em diversas situações do cotidiano.Quem nunca se pegou fazendo tudo rapidamente e escutou alguém dizer que “a pressa é inimiga da perfeição”? Os ditados foram criados através do dia a dia do povo, das suas observações, experiências e emoções vividas. São passados de uns aos outros há muito tempo, e não são atribuídos a autores, exceto autores de poder em `como dizia a minha avó`.

O uso repetitivo dos provérbios em dadas situações faz com que esse gênero de linguagem continue vivo ainda hoje e seja retransmitido de geração para geração. O emprego de novo daquele provérbio o atualiza, coloca em um novo contexto, uma nova relação. É isso que mantém o provérbio sempre atual, ele traz o passado e o banha nos acontecimentos do presente, ganhando um sentido do agora.
Tal sucesso dos ditados, usados até hoje, se deve ao fato de ser fácil em decorar e transmitir. Com sentido lógico, a linguagem é curta e direta. Eles revelam a grande variedade de formas existentes para expressar um mesmo saber. Essa variedade demonstra a criatividade da fala do povo que se torna universal, como o ditado árabe "Agulha em um palheiro" ou o ditado alemão "Menos é mais".

Os provérbios são uma espécie de depósito dos saberes coletivos. Assim, poderíamos dizer que são o lugar da memória de grupos humanos que vão carregando em si seus valores, as ideologias, os modos como eles encaram as suas relações e como eles veem o mundo.Portanto, com a função de orientar, ajudar nosso cotidiano de dúvidas, certezas, esperanças e frustrações, os provérbios são uma criação popular que estão na boca do povo mostrando constantemente que “não há mal que o tempo não cure”, “nem erro que não se remende”, uma vez que “em terra de cego quem tem um olho é rei”.

compartilhe

comentários feed

+ comentar
alcanu
 

Eles ajudam demais a nós no dia-a-dia, resumindo, sintetizando e nos auxiliando a expressarmo-nos com mais veracidade!
Um beijo !

alcanu · São Paulo, SP 9/10/2010 10:05
sua opinião: subir

Para comentar é preciso estar logado no site. Faça primeiro seu login ou registre-se no Overmundo, e adicione seus comentários em seguida.

filtro por estado

busca por tag

observatório

feed
Nova jornada para o Overmundo

O poema de Murilo Mendes que inspirou o batismo do Overmundo ecoa o "grito eletrônico" de um “cavaleiro do mundo”, que “anda, voa, está em... +leia

revista overmundo

Você conhece a Revista Overmundo? Baixe já no seu iPad ou em formato PDF -- é grátis!

+conheça agora

overmixter

feed

No Overmixter você encontra samples, vocais e remixes em licenças livres. Confira os mais votados, ou envie seu próprio remix!

+conheça o overmixter

 

Creative Commons

alguns direitos reservados